Página Inicial Busca
Você está em: Curso Objetivo / Vestibular / Roteiro de Estudos / A Carta no Vestibular da UNICAMP

Vestibular da Unicamp - Carta


A carta é uma das modalidades de redação que a Unicamp oferece como opção aos candidatos. O estudante não deve preocupar-se com seu aspecto formal (data, vocativo, fecho); o que se examinará no vestibular é o conteúdo do texto e a destreza com que o assunto é discutido. A abordagem da carta é argumentativa, permitindo a exposição ou discussão de determinado assunto. Algumas propostas da Unicamp predispuseram o candidato a assumir um ponto de vista, posicionando-se favorável ou desfavoravelmente à “produção independente”, ao “preconceito contra os mendigos” e ainda à “manutenção do voto obrigatório”.

Nos últimos vestibulares, a UNICAMP tem proposto temas que induzem o candidato a adotar um posicionamento definido em relação a questões invariavelmente polêmicas. O candidato deverá usar argumentos convincentes em sua carta, com a clara intenção de persuadir o interlocutor.

Caso você queira empregar procedimentos formais em sua carta, observe abaixo algumas formas de tratamento e a quem se dirigem:

Vossa Alteza para príncipe - rei
Vossa Eminência para cardeais
Vossa Excelência para arcebispo - bispo - deputado (federal e estadual) - embaixador - general - governador de Estado - juízes - ministros - prefeito - presidente da República - secretário de Estado - senador - vereador
Vossa Magnificência para reitor
Vossa Majestade para rainha - rei
Vossa Reverendíssima para sacerdotes
Vossa Santidade para Papa
Vossa Senhoria para chfe de seção - diretor de repartição pública - funcionário (abaixo de ministro) - major - oficiais até coronel - tenente - tenente-coronel.

Observe que, utilizando qualquer dos pronomes de tratamento, o verbo deverá ficar na 3º pessoa do singular, assim como os demais pronomes. EX.: Vossa Excelência poderá ocupar o gabinete, tão logo seu pedido seja deferido.

Voltar Imprimir Topo
Copyright © 1997-2014 Curso Objetivo. Todos os direitos reservados.